Notícias

    fev
    mar
    abr
    maio
    jun
    jul
    ago
    set
    out
    nov
    dez
    fev
    mar
    abr
    jul
    ago
    set
    out
    jan
    fev
    mar
    abr
    maio
    jun
    jul
    ago
    set
    nov
    dez
  • 6 de janeiro de 2022

    Transporte de PET aos clientes locais é...

    A Alpek Polyester iniciou neste mês de janeiro o monitoramento do envio do PET para os clientes locais. Os caminhões silos que fazem o transporte desse produto foram equipados com câmeras e GPS, permitindo a verificação em tempo real da carga. A iniciativa visa evitar incidentes e manter a qualidade do produto entregue, sem gerar custo extra para a companhia. Todos os meses a companhia transporta em média 7 mil t de PET em 250 viagens rodoviárias para clientes do Cabo e de Ipojuca. Lourival Rosa, responsável pela Logística, explica que esse monitoramento foi incluído na renovação do contrato da empresa Aranão Transportes Rodoviários e, por isso, não gerou custo extra para a companhia. “A partir deste novo serviço que incluímos no contrato da transportadora, teremos total rastreabilidade da nossa carga de PET e, ainda, evidências importantes para possíveis não conformidades identificadas durante a operação”, completou. Além das imagens fornecidas pelos veículos, está em fase de implementação câmeras de bordo para os motoristas desses caminhões, resultando no monitoramento de todo o processo de envio. As imagens captadas ficarão armazenadas no servidor da transportadora por 60 dias. De acordo com Marcelo Melo, integrante da Logística e um dos responsáveis pelo projeto, o tempo de retenção é suficiente. “Boa parte dos nossos clientes utilizam a mercadoria no mesmo dia em que recebem. Caso seja identificada alguma não conformidade com o produto, teremos acesso as imagens, sem a necessidade de nos deslocarmos até o cliente em questão”, disse. Monitoramento para o PTA – A próxima etapa do projeto prevê a implementação do monitoramento de cargas para o PTA e também para o Ácido Acético, que um dos principais insumos do PTA. Marcelo adiantou que esses dois monitoramentos serão tratados na renovação dos contratos das duas empresas responsáveis e que os trâmites já foram iniciados. “Essa é uma questão importante que dialoga com a qualidade do produto e a produtividade das nossas equipes”, ponderou o integrante. LER MAIS
  • Ver Mais
Entre em contato com as áreas comerciais, esclareça suas dúvidas ou solicite um orçamento SEJA UM CLIENTE

POLÍTICA DE PRIVACIDADE

Usamos cookies e métodos semelhantes para reconhecer os visitantes e lembrar suas preferências. Ao escolher "CONCORDO", você concorda com o uso de todos os métodos por nós e por terceiros. Confira nossa política de privacidade clicando aqui.